18.10.11

Eu juro que rebento!

Aqui estou eu, sentada numa fila de cadeiras, num centro de Saude carregado de tudo o que é vírus e bactérias, desesperando por uma vaga para uma consulta. A realidade é esta: nao temos médico de familia e o estado da nossa Saude é preocupante. Nao a nossa particular, pois facilmente se cura uma gripe, mas a do pais em geral. Ao meu lado uma criança dorme nas pernas da mãe e um senhor tosse como se estivesse tuberculoso. E nos, infelizmente temos de ficar neste espaço minúsculo, à espera, senão perdemos a vaga.. É o que temos.

4 comentários:

abspinola disse...

Infelizmente quem necessita de ir aos centros de saude é o que encontra, a vergonha de um Pais.
Eu para arranjar uma consulta tenho que dirigir a porta do centro de saude as 6.20 da manha para uma vaga...

É UMA TRISTEZA este pais...

Rita disse...

E acreditas que voltei de lá com a sensação de que o médico era alérgico a pessoas? Nem sequer me tocou na miúda, fez tempo para ver se a ouvia tossir e concluiu que era alergia. É isto.

abspinola disse...

Grandes profissionais de saude que temos, já apanhei alguns assim...
Chego a conclusaõ que é uma minoria de medicos que trabalham com amor a camisola outros é pelo ORDENADO.

Bjstos

mary disse...

Nao tenho, tambem, boas experiencias com Centros de Saude. E eu tenho uma médica de familia, medica essa que, no seu dia de trabalho, atende primeiro as consultas marcadas e só no fim as urgencias. Acho engraçado.
Por outro lado, o novo Hospital de Cascais não posso queixar-me de absolutamente nada. Tambem so la passei uma vez, mas o atendimento foi brilhante, rapido dentro do possivel, atencioso, enfim, tudo o que uma pessoa doente procura e tem direito!