23.4.13

No sense.

Esta coisa das tentações está a dar cabo de mim. Quando me dou por vencida, de que não vou conseguir mudar de emprego tão facilmente (eu quero muito, gente, quero mesmo!), quando me mentalizo e me conformo que tenho de continuar a levantar o corpinho da cama às três da manha, aparecem aquelas oportunidades vindas do nada. Parece que me caem aos pés, assim a dizer em tom de sussurro «apanha-me.. agarra-me.. muda, muda..» E eu pareço uma miúda com 12 anos, tipo barata tonta, com inúmeras incertezas e conflitos interiores. Fica a doer-me o estômago, a cabeça e engulo em seco. Maldito sistema nervoso que me deixa k.o. em dez segundos.
Nada disto faz sentido, porque se eu quero mudar (eu quero muito, gente, quero mesmo!), não deveria ter tanto macaquinho na cabeça. Pareço uma cobardolas, com medo de dar um passo em falso, sem qualquer pingo de optimismo. Bah.

1 comentário:

Ombemua - Saoirse disse...

As vezes é bom arriscar.
Forca mais uma vez. E se queres, só tens que ter coragem.