12.2.12

(not so) velha infância

Como eu tenho saudades dos domingos de criança. O dia em que comíamos cozido à portuguesa, em que me punha a pé para a missa ao meio-dia, em que a sirene dos bombeiros tocava com os sinos para anunciar que estava quase na hora; das tardes passadas no jardim a andar de bicicleta e das tartes de maça da pastelaria do Sr. Pide (sim, o senhor tinha sido bufo da pide e ficou com a alcunha até hoje!). Dos domingos de sol em que íamos brincar até à praia verde e bebia leite de chocolate. Como eu tenho saudades do cheiro daquela casa grande, do sótão, de brincar às princesas. Como eu tenho saudades daqueles tempos, em que fui feliz.

4 comentários:

aNa disse...

é tão bom recordar.

mari disse...

recordar coisas boas assim devem aquecer a alma ... :)
**

Maria disse...

As saudades também nos fazem sorrir...bjinho

ombemua disse...

Eu acho que quem vive a infancia assim feliz tem sempre imensas saudades.
Eu falo por mim...entao eu que sou uma saudosista de primeira :o)

Baci*querida