12.12.13

carry on

Às vezes é necessário deixarmos de lado um plano que fizemos. Ou apagar o sublinhado daquele objectivo que traçámos. E está tudo bem! Às vezes, essas mudanças de planos não são necessariamente fatalistas ou negativas. Acontecem porque ainda não era o nosso momento, ou simplesmente, porque não tinham mesmo que acontecer.
Não são sinal de fraqueza ou incapacidade. Podem ser sinal de amadurecimento. Afinal, todos os frutos têm o seu tempo próprio para se colher, certo?
O truque é não desanimar, não baixar os braços. Passos destes, inversos, inesperados e complicados de gerir também precisam de ser dados. São eles que nos ensinam a crescer e a trabalhar mais e melhor para o que realmente queremos alcançar.
Quem sabe se, com isso, o pequeno passo que tivemos de dar agora para o lado, não se transforma no passo em frente gigantesco que daremos amanhã.

Traça um novo caminho - Reestrutura - Repensa - Reconstrói - ou muda simplesmente de plano. Mas faz!
Carry on »»

1 comentário:

Dias em rosa disse...

amei ... é isso mesmo ;) :*