25.4.13

Free

Porque acaba onde a dos outros começa; porque nos faz capazes de sonhar, criar, amar; porque nos dá asas; porque nos ensina e nos faz crescer; porque nos põe neste mundo e também nos mata; porque nos guia, nos influencia, nos dirige; porque nos dá opções e caminhos e metas; porque nos diferencia e nos une numa igualdade. Nasci livre e livre quero morrer. Por isso nunca conseguirei entender porque razão, neste mundo, muitos estão privados desta liberdade. Somos tantos, os livres, que pouco bastaria para sermos todos. E na nossa mão está fazermos a diferença.
A liberdade permite-me estar aqui, a dizer o que me vai na alma. E isso não tem preço.

2 comentários:

Turista disse...

Gostei do teu pensar sobre a liberdade, Rita.
Só assim a compreendo, também!

aNaMartins disse...

Belas palavras Rita! :)