18.2.12

Alice, a minha avó.

Falava francês e tocava piano. Era professora primária e aprimorada dona de casa. Fumava cigarros de senhora quando davam festas  lá em casa. Vestia-se elegantemente até mesmo para ir ao pão. Pintava e fazia doces. Era uma senhora séria, mas tão meiga como a manteiga. Dona de uns olhos azuis maravilhosos e uma expressão na face que nunca esquecerei. A minha avó era uma brasa. Um ser humano extraordinário. De quem eu tenho tantas saudades.

(não sendo esta a minha Alice, curiosamente muito parecida de cara e o cabelo exactamente igual)

4 comentários:

Nokas disse...

Uma grande senhora portanto :)

LOL aos 40 disse...

Olá,
eu tb tenho muitas saudades da minha avó!
Não tinha os olhinhos azúis
: (
mas era tão querida, tão querida que qd ela partiu, metade de mimfoi com ela.
Nunca mais fui a mesma!
Bjs
Fica bem

M. disse...

que linda homenagem!
parecia ser uma senhora docemente encantadora.
gostei de conhecer este bocadinho dela.
**

CV Love disse...

Que bonitas palavras sobre a sua avó!
Eu adoro as minhas duas avós, muito que sou hoje devo-lhe a elas! =D