28.6.11

Ia feliz.

Hoje, fazia as malas e ia embora. Para qualquer lugar, onde pudesse pôr os pés de molho e esticar o lombo numa esperguiçadeira e ficar a pastelar o dia todo. Onde pudesse ver a minha fada a brincar e a pular de alegria. Onde pudesse esticar a mão para te acariciar a pele. Beber coisas fresquinhas e comer coisas boas. Demorar-me no banho, na cama, na preguiça, no almoço e no jantar. Sem tempo, sem horas, sem pressas, sem complicações. Ouvir música, dançar convosco, rir e captar cada momento como se não houvesse amanhã..

Era isto. Hoje, fazia as malas e ia embora convosco. Só nós. Os três. Felizes. De vida airada.

2 comentários:

mãeee disse...

Como te compreendo Ritinha ... há lugar para ... hum... mais 5?
Vamos?
beijo bom

mary disse...

era tão bom se a vida pudesse ser sempre assim :/