1.8.09

Era uma vez..

.. uma funcionária do aeroporto de Faro, eu mesma, que estava encantada da vida descansadinha no seu posto de trabalho (tal não era a vontade), quando no meio de 4 Transavias (para quem não sabe são os autocarros da carreira que levam os holandeses para a suas casinhas), estala o caos porque a malta não é de ferro e às 9h da noite já não se está com muita paciência, e estavam 4 mulas holandesas feitas monas a olhar para o nada e a dificultar o nosso trabalho. Tal como já disse, a paciência já não era muita e uma outra colega também cansada já de tanto 'nix-a-pix' (gostamos de os chamar assim!), pediu-lhes que apanhassem nas suas coisinhas e seguissem viagem.. elas, as cavalonas holandesas, muito indignadas, apanham nas coisas à bruta e começam a chamar-nos no seu maravilhoso inglês: «Silly, silly..» e outras palavras em holandês que a gente supõe que sejam bastante ofensivas..
De repente, saiu-me isto da boca, enquanto os meus olhos lançavam faíscas..

- Are we selling vodka here?
- What?? (elas em unissono)
- 'Cause.. this is not a bar.. or.. do you want a peanut? 'Cause you're looking at me like a monkey. .. e abrem mais essas bocas e vão sem rótulas para casa.

3 comentários:

Deboraah13 disse...

5 Star!!!
Adorei....

xxx

MC disse...

Menina, isso lá é forma de tratar as mulas?!
Taditas...
Se calhar elas estariam mesmo com falta de uma fresquinha... ou quentinha!!
;)

Ana Omelete disse...

eu cá dizia logo que sim, queria um copito de vodka, aahhahhahaah...

é preciso pachorra mesmo :o)