31.5.12

May #31

something beautiful


o dom de criar vida.

sweet sounds of me

vuelvo al sur, sempre em boa companhia.

adeus Maio.

Pensei que fosses demorar uma eternidade. E num piscar de olhos passaste a correr. Junho aproxima-se de mansinho.. e de mansinho vão passar estes dias que faltam até que possa conhecer o meu pequeno. Obrigada pelos dias maravilhosos.

just because


eu também tenho os meus dias assim. hoje vou almoçar com as outras amigas grávidas. vai ser uma animação, tanta barriga junta. e não, não combinámos engravidar todas ao mesmo tempo. foi uma feliz coincidência.. e serão todos bebés de julho.

Acordar com isto, é ter o resto do dia ganho.

Bom dia, minha rainha. Já te disse hoje que te amo?

30.5.12

May #30

your personality


os meus olhos dizem tudo, a quem souber ler o que eles querem dizer.

Castigar com rezar o terço.

Aquilo que eu vou contar não me foi dito por terceiros. Eu estava lá e ouvi. E, sinceramente, não gostei. Antes de mais, quero partilhar aqui que sou cristã. Acredito em Deus, em Jesus Cristo, tenho a minha fé, vivo-a e educo a minha filha dentro dos valores cristãos. Mas nunca na vida fui intolerante. Respeito todos os que vivem à minha volta, todas as suas crenças e religiões. Nunca me afastei de alguém por professar uma fé diferente da minha, muito pelo contrário. E também nunca fiz da minha religião um campo de batalha: sou tolerante, de paz.
O que na realidade me chocou foi o seguinte: estávamos nós a assistir a um show no safari e connosco outras pessoas, maioritariamente miúdos, de dez, doze anos, em visita de estudo. Como alguns estavam mais eufóricos, uma das professoras diz-lhes: «Vejam lá se querem ir rezar o terço.».. Ao que mais dois professores anuem com a ameaça e repetem a graça.. se não se portarem bem, vão para um canto rezar o terço. Mas afinal de contas, o que é isto? Castigamos ou tentamos manter as crianças sossegadas sob a ameaça de irem rezar? Foi algum tipo de brincadeira? É porque se foi, não estou a perceber onde está a graça.. o que passará na cabeça de uma criança que, seja educada em casa sob os valores cristãos e que, na escola, ouve este tipo de coisas? É correcto, por parte de um educador, 'brincar' assim com a educação religiosa de cada criança? 
Eu quero acreditar que tudo não passou de uma brincadeira de mau-gosto, e que não é hábito naquela escola, fazerem este tipo de 'coisas'. Mas que me deixa apreensiva, deixa. Ouvimos tantas coisas do meio escolar na comunicação social e lutamos para que o professor ganhe de novo o estatuto de outros tempos, porque é imperativo que as nossas crianças tenham respeito por quem as educa. E depois, ouvimos estas coisas. E claro, começo a colocar muita coisa em causa.
Uma coisa é certa, se a minha filha se porta mal, eu não a ameaço com ir recitar o Alcorão, por exemplo. Tenho (acho eu) outras formas mais pedagógicas. E menos discriminatórias.

Do safari com amor.


foi aquilo que mais dificilmente esqueceremos. estes bichinhos são realmente um amor.

são tudo coisas que me transcendem..

Para que raio querem as pessoas um blog, se for para falar mal de tudo e de todos? Ah!, esperem, já sei.. é para serem 'apelidadas' de pessoas com humor e muito jeito para a escrita coisa. Entendi.

29.5.12

May #29

a number

(oito)
e se vier com significado, ainda melhor.

sweet sounds of me

restless but enjoy the music.

das boas descobertas


estou completamente deliciada com este trabalho dos Wildflowers Photografy, que descobri através da Lollie & Cryssi. Também quero umas assim!

28.5.12

May #28

the weather today


sweet sounds of me

Simply falling (for you) ♥.

parabéns, meu amor.

Todos os dias deviam ser de festa. Hoje é o teu dia, o dia em que celebras mais um aniversário, em que ficas um ano mais velho, mas também um ano melhor, porque como costumam dizer, és como o vinho do Porto. Não consigo exprimir por palavras aquilo que sinto, ao desejar que, todos os dias da tua vida, te sintas feliz. Apenas e só deixar-te um obrigado por existires na minha vida, porque só a tua felicidade condiciona a minha. E desejar que este dia se repita por muitos e longos e felizes anos.. que possamos celebrar o teu aniversário até já não termos forças para soprar as velas. Amo-te tanto. Parabéns, meu amor.


27.5.12

May #27

something sweet


(tirada o verão passado)
Há lá coisa melhor que uma bola de berlim na praia? E na minha praia de Monte Gordo, especialmente? Não há. 

As maravilhas da bicicleta.

Deixaram o meu homem num estado moribundo. Aterrou na cama depois do almoço, com um escaldão na cara e dores, muitas dores, no corpinho todo. Escusado será dizer que não andava assim 20 e tal quilómetros de bicicleta à milhares de anos.. e o estado vegetativo - e doloroso! - apoderou-se dele. Não temos outro remédio senão deixar para amanhã o Alentejo. Não tenho outro remédio senão aguentar-me à bomboca.

tango.

 makes me fall in love again and again..

{dos domingos}

Com o querido esposo a pedalar algures pela ria formosa, ficamos em casa as duas numa sessão de mimo e muito canal panda. Logo à tarde, partimos à descoberta do Alentejo. E amanhã é dia de festa. Bom domingo!

26.5.12

25.5.12

May #25

unusual


antes que se vos dê um ataque, eu passo a explicar: esta não sou eu, ou melhor, são os meus dedos, as minhas unhas, a minha mão, mas eu não estava em mim quando resolvi fazer esta alarvidade, este atentado! Para que conste, assim que acabei de posar para a fotografia, fui a correr pegar na acetona.

Quando o amor tem as horas contadas.

E mesmo assim nunca desaparecerá. Um video de amor, simplesmente.

A gazeteira

A minha pequena é às no que toca a fazer gazeta. Ontem, o pai chega a casa a dizer que hoje o dia ia ser complicado no trabalho, que tinha que ir mais cedo trabalhar, que não sabia a que horas voltava. Fiquei logo a fazer contas de cabeça: acordar mais cedo para ter tudo pronto, levar a pequena à escola, os meus pés que andam a teimar em inchar, o peso da barriga, o sono que me ataca de manhã - porque à noite é uma canseira para dormir- e tudo e mais alguma coisa que me passou pela cabeça, que teria de ser feito entre as 8 e as 9 da manhã. Disse à pequena: Queres ficar em casa amanhã? Resposta pronta: É claro que quero! Assim posso brincar e ficar acordada até tarde!* Pronto. Tem a resposta na ponta da língua e para fazer gazeta à escola não há igual.

*Ficou mesmo acordada até mais tarde, porque a senhora mãe teve de ir fazer uma visita ao hospital. E sim, continua tudo bem. O pirralho mais pequeno ainda não tem ordem de soltura!

TGIF!

.. porque os dias que se seguem vão saber a pouco e passar num instante. Digo-vos eu, que as sei todas.

24.5.12

May #24

something new


acabados de chegar para fazer as delicias do pequeno ser.

sweet sounds of me

no habrá nadie en el mundo com esta voz.

set your spirit free


Mais do que libertarmos a mente e o espírito, temos de saber contornar as linhas ténues que definem a nossa essência. Somos feitos de tanto e de nada ao mesmo tempo. Os pequenos prazeres são aqueles que mais nos enchem o ego, embora pequenos nos pareçam. Não há dias de tempestade que não se transformem em sol radiante. E o pequeno gesto de querer vencer, supera qualquer obstáculo que nos apareça. A vontade de vingar, de traçar num risco bem definido o nosso papel no mundo, dá-nos asas para voar. Basta querer. Estou nesse caminho, a pouco e pouco descubro que o meu espírito livre inunda de amor o meu coração. E estou mais disponível para amar e para perdoar. E o meu ser engrandece. Sou grata pelo que tenho, pelo que conquistei. Mas também pelas derrotas que me ensinaram a ser mais forte e mais determinada neste caminho. Agora sei porque é que algumas tristezas foram necessárias: elas ensinaram-me a dar valor ao sorriso que hoje tenho.

Hoje parecias um pequeno raio de sol. Umas leggings às riscas amarelas, brancas e azuis. Uma tshirt branca com um gelado enorme desenhado. A bata amarela - à qual cortei as mangas porque o calor já é insuportável - e um rabo de cavalo que te deixa a cara mais redonda, mais menina. Ontem fomos cortar a franja. Só me apetecia encher-lhe a cara de beijos, as bochechas avermelhadas de mimo. Sinto o tempo a escorrer-me pelos dedos, tal e qual a areia da praia. Estás a crescer tão depressa, que até assusta. E essa tua boa disposição matinal.. coisa que não herdaste da mãe, nem do pai, mas que é tua, só tua. E que nos contagia. Meu pequeno raio de sol, que brilhas na minha vida, estás a ficar tão grande.. 

23.5.12

May #23

technology


primeiro estranha-se, depois entranha-se. é muito feio dizer que este bichinho é um dos meus melhores amigos?

óleo de coco.

Não sabia que comer duas colheres deste óleo em jejum ajudam a emagrecer. Sempre pensei que fosse para lambuzar a pele e ficar a cheirar maravilhosamente bem. Ou usá-lo na praia, como bronzeador e sentar-me na areia e automaticamente parecer um croquete. Mas, emagrecer? Juro que nunca tinha ouvido falar de tal coisa, até o Planeo me mandar um email a tentar vender-me a ideia.

E para o fim de semana que se segue..


.. a surpresa da pequena vai ser esta.

hoje eu ♥

Gosto dos dias em que não preciso ter pressas. Quando tudo se compõe com o suave passar dos minutos. Hoje começámos assim. Um acordar calmo, um pequeno-almoço reforçado. Ainda tivemos tempo para um café só os dois, numa esplanada, a ler os jornais. Cada dia que passa sinto que está para breve a grande mudança das nossas rotinas. Já não me lembro como foi há quase seis anos atrás.. parece que o tempo demorou muito a passar, mas na realidade ainda ontem ela era um bebé e hoje já faz exigências de indumentária para levar para a escola. Daqui por mês e meio, se Deus quiser (e vai querer), a minha rotina dará de novo uma reviravolta daquelas. Ainda não sei muito bem como é que tudo se vai processar, mas confio. Sei que vamos dar o nosso melhor. Por isso, hoje eu amo todos estes momentos. E amanhã, que é como quem diz, daqui por mês e meio, amarei todos os momentos que me esperam. E mais não peço para ser feliz.

22.5.12

May #22

pink

.. a tshirt que o mini-mini vai usar!



Só tenho uma coisa para vos dizer..

Sou capaz de ser a mãe mais babada por estas bandas. O meu filho, modéstia aparte, é lindo! Maravilhas das ecos 3D.

Hoje é dia..

.. de ir espreitar o Manuel. Estou num estado de nervos que só visto.. E hoje é dia também de Santa Rita, portanto dia das Ritas. Há mais Ritas por aí? Hoje é o nosso dia!

21.5.12

May #21

where you stand


(em casa, à janela da cozinha.. com o manjerico!)

Bom dia!!

E hoje é dia de arrumar tudo aquilo que a bagagem do carro conseguiu trazer do Ikea.. Que já foi montado, obviamente, pelo marido multifacetado que eu tenho cá em casa!! Tanta coisa gira, meninas, que foi com muita coragem que nao trouxe tudo aquilo que me reluziu nos olhos! Aos poucos, as coisas vão-se compondo!

20.5.12

May #20

something you can't live without


(sem saber a quantas ando, ando perdida.)

19.5.12

May #19

a favourite place


não há melhor sitio que a nossa casa.. aqui.. um detalhe da minha cama (a minha almofada), a vista da minha varanda (o céu e as árvores) e o candeeiro da minha mesa de cabeceira. é o meu lugar preferido: a minha casa.

18.5.12

May #18

something you made


.. e que me saiu muito mal. Tentei fazer uns queques de canela, que ficaram colados à forma, adivinhem lá porquê.. porque aqui a esperteza rara, esqueceu-se de colocá-los numas forminhas de papel primeiro.

Sobre a Criopreservação, opiniões procuram-se!!

E não, não vou falar sobre o anúncio que está a gerar polémica. Só vou dizer que participei num concurso e ganhei um kit. É claro que o resto do serviço fica por minha conta. O que eu queria saber era a vossa opinião: quem já aderiu a isto? Quem decidiu que não? Porquê? Qual a empresa que escolheram? Qual escolheriam? O que acham sobre o assunto?
Gostava imenso de ouvir opiniões antes de decidir o que fazer. E ouvir a senhora da empresa de criopreservação não conta, porque ela só diz maravilhas da sua sardinha..

E o desafio de hoje é..


A Inês desafiou e eu aceito, com todo o gosto, porque adoro fotografia. Gosto de tirar, de aparecer, de editar, gosto.. embora não tenha muito jeitinho para a coisa, vou fazendo o que se pode!


Pronto.. e as regras são:
            1. Dizer de onde começou o desafio e quem vos passou; - suponho que naquele blog que aparece na imagem; e quem me passou foi a Inês, já o tinha dito..

            2. Dizer se gostam ou não de fotografia; - pois isso já respondi ali em cima!
            3. Se sim, dizer o porquê e o que mais vos fascina no mundo da fotografia; - idem.
            4. Postar uma foto de alguma situação ou sítio que vos tenha realmente marcado;

Tudo em Roma me fascinou e como foi das cidades mais bonitas (senão a mais bonita) que já visitei, fica aqui uma foto do Coliseu, ao lusco-fusco!

            5. Passar o desafio a 10 seguidores. - Levem-no se quiserem, estão à vontade se gostarem de fotografia!

Amanha..

.. vou aterrar no Ikea e desgraçar-me por completo. Tanta coisa que ainda falta para 'remodelar' esta casa, que não sei se a bagagem do carro aguenta.

17.5.12

May #17

snack



isto é que é um belo snack.. bolo de cenoura e chocolate, que mal acaba de ser feito vai quase todo de uma vez..

Por outro lado..

.. há dias estive na Primark e desgracei-me. Sou um caso aberto a estudo.

Ando fã das compras online

Não há nada melhor que descobrir que podemos comprar os mesmos produtos, quase por metade do preço e ainda por cima recebê-los comodamente em casa. Obrigada Santa Internet.

16.5.12

May #16

what you're reading


divido as leituras pelo livro da gravidez e pelo Eça agora, que estou a reler, por ter simplesmente adorado esta comédia escrita a várias mãos.

15.5.12

May #15

love


(em Lamego)

O amor é muito mais do que uma definição, um estado d'alma, um sentimento. Amar-te ultrapassa-me. Amar-te é tão natural para mim como respirar. Sentir que sentes o mesmo é um conforto, uma segurança, uma paz, que dinheiro nenhum no mundo compraria. Até ao fim dos nossos dias, porque eu acredito neste amor.

Pela primeira vez na vida ganhei um passatempo.

Um honroso segundo lugar. Vocês nem imaginam o tamanho do meu ego!

14.5.12

Começa a dar-me o 'cheiro' a verão, quando..

.. tenho de lambuzar a pequena em repelente de insectos.

May #14

grass


a relva da serra algarvia. (tirada em Março 2011)

We are young, by Glee

simplesmente divinal.

e já agora..

.. amanhã é dia da família na escola da pequena. Pais convidados a participar nas actividades da sala. Amigas leitoras com queda para a coisa: sugestões para fazer com a pequenada de 5 anos, alguém tem? Estou completamente à nora..

eu sei, eu sei..

Que andámos a pedir chuva, e que depois ela chegou (pouco, mas chegou..) e que depois pedimos que fizesse bom tempo; que andámos todos fartinhos do frio e do vento e das temperaturas baixas e que pedimos calor e sol.. agora chegaram assim, de armas e bagagens.. e passados dois dias (oh veia exclusivamente tuga para o queixume!) estou de língua de fora, a dizer raios e coriscos do calor que se faz sentir aqui. Estamos sempre insatisfeitos, não é verdade?

13.5.12

May #13

mum


Para mim, mãe é igual a mulher. Aqui estão as mulheres da minha família: a minha avó, as minhas tias (tantas vezes minhas mães), a minha mãe, eu e a minha princesa.

12.5.12

May #12

Something that makes you happy


viajar, que dizem por aí, que é uma das coisas que compramos que nos deixa mais ricos. Faz-me feliz preparar uma viagem, fazer a mala, imaginar como será tudo, respirar outros ares, pisar outros solos. Sem dúvida nenhuma, uma das coisas que me faz ser feliz é poder viajar.
(foto tirada à socapa no trabalho! - 2011)

11.5.12

May #11

kitchen


Um pequeno detalhe da minha. As ervas aromáticas frescas.. e o inacabado quadro que está a demorar uma eternidade para pintar.

A verdade é que ando sem assunto.

E ainda não me ter dado uma coisinha má ao longo destes meses todos, já é uma grande sorte. Senão vejamos: a vidinha resume-se a acordar cedo, preparar a gaiata, saem os dois para a sua vida, eu fico em casa a olhar para o dia de ontem, eles voltam a casa, jantamos e vamos dormir. De vez em quando, lá vamos dar um passeio, nos dias de folga, que me sabem a maravilhas. Pouco ou nada convivo socialmente, pouco ou nada falo durante o dia. Conclusão: estou a tornar-me uma anémona, podre de grávida, com achaques de calor e hormonas ao rubro. Uma pessoa sem qualquer tipo de interesse, aborrecida e desleixada. É um tédio ser eu.

10.5.12

Well..

.. ao que parece, está tudo benzinho com o pequeno. A mãe tem uma infecção urinária assintomática e já está a antibiótico e o pequeno parece estar feliz da vida. O líquido que verti pode bem ter sido xixi, porque com as infecções é normal acontecer.. digamos que com a gravidez também, porque o peso pressiona a bexiga. Mas, de qualquer das formas, ela mandou vigiar o assunto. Por isso, aqui estamos. Um dia de cada vez.. e espero que esta gravidez chegue ao fim sem nenhum problema de maior.. e que logo, logo o Manuel esteja nos meus braços saudável e perfeito.

May #10

a favourite word


.. porque sozinha não sou nada nem ninguém. Preciso de este 'nós' que me acompanha e ampara para me sentir segura. E viva. E feliz.

9.5.12

May #9

Something you do every day


Não há como faltar à chamada. Um por dia, pelo menos, tem de ser, ou o meu dia não é dia. Café, um dos meus melhores amigos.

8.5.12

May #8

A smell you adore

Tal como gosto do cheiro da minha cria.. mas este 'cheiro' é um dos meus preferidos.

vamos lá com calma, sim?

Ontem ao fim da tarde não me senti bem. O marido já não me deixou fazer nada, encomendou pizza e tratou do resto. Andava com a sensação estranha que estava a verter qualquer coisa, de mansinho.. e deixei-me ficar deitadinha, a ver se a coisa melhorava. Passou por umas horas, mas a noite foi terrível: incomodo, dorzinhas, insónia, nervos. GráçáDeus que amanhã tenho consulta, que ando a ficar paranóica. Pelo sim, pelo não, a mala está feita. (mas ainda é tão cedo...)

7.5.12

May #7

Someone that inspires you


É uma personagem de ficção, mas eu acredito que existem por aí muitas Amélies por este mundo, capazes de transformar em alegrias, tudo o que tocam, capazes de mudar o rumo das coisas, que se importam realmente com os outros, que sonham com um pedacinho de vida melhor, que se preocupam por trazer harmonia e justiça e amor aos corações mais destroçados. E que, ao mesmo tempo, lutam pela sua felicidade, com as unhas e os dentes e a sensibilidade à flor da pele. As Amélies Poulain deste mundo inspiram-me a tentar melhorar os meus dias. E os dias de quem me rodeia.

o nosso ontem.

E foi tudo tão bom.. almoço fora, passeio pelo shopping para tirar as fotos que a pequena precisa para a escola (ficou linda, by the way) e a surpresa de uma oferta especial. Mr T. abriu os cordões à bolsa e ofereceu-me duas túnicas para os dias que se avizinham: quentes. E eu a necessitar de quilómetros de pano para tapar a barriga que cresce cada dia que passa. E, claro, um mimo extra no dia da mãe, cai sempre bem. No fim do dia, pai e pequena divertem-se na praceta entre os insectos e a bicicleta, enquanto eu procuro a agulha no palheiro: onde raio pus eu os sacos com a roupa de bebé dela? Algures aqui na garagem (deixou de ser garagem para ser 'arrecadação'), mas não sei onde, propriamente. São tantos os sacos iguais, que tenho de  abrir todos. Agora imaginem o tempo que se fica a ver e remexer em coisas que em tempos achámos que não nos faziam falta em casa, mas agora que as reencontrámos, achamos que foi a descoberta do ano.. e elas voltam lá para casa outra vez..

As mentirinhas do desafio

Pois como o prometido é devido, aqui vão as verdades sobre os factos do desafio que respondi anteriormente.
Ora bem:


* uso óculos -  Ainda não uso, para lá caminho, que a idade não perdoa dioptrias.
* sou algarvia de gema - olarila!
* já fui ruiva - coisa que me passou depressa
* não gosto da Espanha -eu adoro Espanha. É a minha segunda casa. 
* casei em frente ao mar -num dos dias mais felizes da minha vida
* sei falar russo - pois não sei e não sei se quero aprender
* já estive com o John Malkovich -  verdade, verdadinha. E não o reconheci logo..

6.5.12

May #6

You


pois, aqui estou eu.

adoro aquelas publicidades tipo auto-ajuda!

Especialmente as que metem exemplos como o Mourinho ou o Ronaldo. Sim, claro, todo e qualquer comum mortal tem a estimulação (financeira) que eles têm para fazer mais e melhor, para se tornarem campeões e vingarem por essa vida fora. Acho imensa piada aos exemplos, porque são pessoas que vingaram num mundo em que aquilo que se recebe por mês é um atentado à pobreza, à fome envergonhada, aos salários mínimos para aqueles que se levantam da cama às cinco da manhã e vão para uma fábrica produzir bens. Produzir. Coisa bem diferente de 'entreter' com passes de bola e golos fantásticos.
Querem os senhores da publicidade convencer alguém, utilizem pessoas que vingaram na vida dando no duro, com esforço e sonhos falhados, com lágrimas e suor, com horas de estudo nas pestanas, com anos de trabalho pesado no lombo. Com pessoas que tenham alcançado o sucesso com a força do seu trabalho e dedicação. E entendam que compreendo que treinar diariamente seja duro.. mas andar na faina também é e não conheço nenhum pescador que ande montado no carro mais caro do mundo, por exemplo.
De que me serve a motivação de alguém mediático, que vive num mundo a que a esmagadora maioria dos outros cidadãos do planeta não tem acesso? No que é que me faz feliz ouvir o relato fingido (e bem pago para o fazer) de uma pessoa que não passa pela mínima dificuldade? Pelo mínimo desconforto? Pela mínima ansiedade de saber que futuro deixar para os seus filhos?
Eu quero é ouvir histórias de gente real, de gente como eu, que lutou e venceu na vida. E que se hoje está bem é porque fez por isso. Porque, todos nós já sabemos, nas profissões de 'entreter', que são as mais bem pagas do mundo, entram aqueles que nasceram de rabo virado para a lua, ou os muito bem relacionados. Todos os outros, sonham em frente da tv.

5.5.12

May #5

Bird


tirada em 2011, no Zoo de Lisboa. O meu fascínio por flamingos é coisa que merecia psicanálise.

♥ blanc



as pessoas não são todas iguais. ou são?

Mas andam todas (parece-me) em filinha indiana. São ovelhas, muitas vezes cobiçadas por um só pastor, que não conseguem fazer nada sozinhas sem ser em grupo. Muitas destas pessoas, são as pessoas que eu conheço. Que não conseguem fazer nada de original e genuíno, a não ser copiar o que os outros fazem. E isso faz-me uma confusão tremenda. São valores, é educação, são feitios, é o quê? Vontade própria e atitude, são coisas que faltam a muita gente. Infelizmente.

4.5.12

May #4

Fun


Há muitas coisas que me divertem. Mas uma boa dose de verdadeira (e de qualidade!) comédia levam-me ao nirvana. Gosto de rir. E gosto de me rir com estes.

amanhã tiro a barriga da miséria.

Vou comer um prato de caracóis. E que se lixe.

Selo


A doce Jota do Papel de Parede ofereceu-me (thanks girl!). E o desafio é este:



Regras:
1. Dizer 7 factos sobre ti (dos quais 3 são mentira);
2. Desafiar os seguidores a descobrir quais os 3 que são falsos;
3. Fazer um post a denunciar as tuas mentirinhas uns dias depois;
4. Passar o desafio, bem como o selo, a 5 seguidores que consideres merecedores;



Bem.. os 7 factos:
* uso óculos
* sou algarvia de gema
* já fui ruiva
* não gosto da Espanha
* casei em frente ao mar
* sei falar russo
* já estive com o John Malkovich


Digam-me lá quais são as verdades e quais são as mentiras! Eu depois logo ponho a boca no trombone! E o desafio, leva-o quem quiser, se bem que gostava de ver a Ombemua, a Mary, a Abspinola, a Coquinhas e a Margarida (embora ache que não seja a praia dela!) a participar nisto!


Pronto. Done!

Ninguém merece!

Por estes lados (como provavelmente por todo um pouco neste país) começou a semana académica. Para quem vive numa zona 'normal' e 'civilizada' não há grande problema. Para quem teve a inteligência de optar por morar numa zona que se queria calma, mas que fica a poucos metros da universidade, é uma grande dor de cabeça. Para além do barulho aumentado, dos putos (cujos pais estão em crise para as propinas, mas não lhes falta para o álcool) em transe, das buzinadelas e gritaria a horas impróprias, outras coisas surreais acontecem. Como por exemplo, o lindo espectáculo que eu tinha hoje na varanda. Alguém chamado vizinho do 3º, vomitou na varanda. E a minha, cá em baixo, ficou toda suja.
Teve a decência de deixar um papel na nossa porta e identificar-se e a pedir desculpa e a dizer que vinha limpar. Mas só viria limpar 'amanhã', ou seja Sábado. Deve ser porque vai ficar o dia de sexta a ressacar e não pode vir limpar o próprio vomitado. E eu, está claro, teria que aguentar até Sábado para ter a varanda limpa.
Na volta foi um papel escrito pelo marido e que dizia mais ou menos assim:
«Não será necessário entrar em contacto connosco para vir limpar a varanda, porque precisamos dela limpa e já tivemos de o fazer, por ser desagradável esperar. As desculpas estão aceites, mas a haver uma próxima má-disposição, tente usar a sanita.. ao menos se a sujar, o problema será só seu. Vizinho do 1º.»

3.5.12

May #3

something you wore today


Hoje, logo pela manhã. Não.. não fui fazer nenhuma corrida. Fui mesmo numa de sporty mummy até ao Continente.