7.2.12

"Gosto de ser selvagem na cama"

A frase não é minha, (respirem de alívio, que isto ainda não é o cabaret da coxa!) mas sim da querida Nereida, que parece que para aparecer faz qualquer coisa. Nem que para isso tenha de expor a sua vida sexual (passada e presente), a troco claro de uns quantos euros na carteira. Eu se fosse a menina, já me tinha feito à vida.. é que o corpinho de selvagem não rende a vida inteira.

1 comentário:

mari disse...

puffff ... ficava tão bem caladinha esta miúda :S