28.2.10

A ruína.

Ele há coisas que me transcendem. Alguém me explica como é que existem tantas almas viciadas nos sites de redes sociais? É que enquanto foi o básico Hi5, em que depositávamos lá os nossos interesses e as melhores poses fotográficas, esteve tudo muito bem.. agora, quando a vida passa a ser baseada nas colheitas que temos que fazer ainda hoje, já é sinónimo de que algo vai mal. A par do toma-lá-mais-cinco, cresceu o famoso Facebook que, para além de permitir que se post o que nos vai na alma, também tem jogos bastante úteis para a sociedade em geral. Quem nunca sonhou ser hortifruticultor, pau mandado de uma família italiana ou empregado de mesa de um café virtual?
Acredito que já existam depressões porque as vacas castanhas não estão a render tanto leite com chocolate como deviam; desconfio que muitas crises existênciais se criam em torno da cor do celeiro que vão construir; quase que aposto que muitos verteram lágrimas quando a plantação de tulipas murchou.. já para não falar do gozo que deve dar limpar um aquário virtual com uma esponja (virtual, claro..)!! Pior! Quantas Marias e Manéis, neste mundo fora, se julgam os melhores gestores de restaurantes? E penso que já se registou um suícidio porque o café foi à falência.. 123876 utilizadores não saem de casa por pensarem estar a ser perseguidos pela Máfia.
Enfim, não consigo perceber a onda de fanatismo em torno destes jogos cibernéticos. Haverá coisa mais linda do que viver viciado?
O pior é que quando se cai na real ou, na melhor das hipóteses, as redes sociais e seus jogos deixarem de ser moda, provavelmente muitas familias estarão destruídas, casamentos acabados, cursos chumbados, amizades desfeitas.. o caos! Portanto, quase que é caso para dizer:

20.2.10

Mania da perseguição ou Teoria da conspiração? Agora escolha..

Tenho um colega que me deixa com os cabelos em pé (e eles não estão nada pequenos, garanto-vos!) porque não consegue ter um pensamento optimista. Um, sequer.. e já não era pedir muito. Hoje, depois de o ver a olhar para o infinito durante quase cinco minutos seguidos, perguntei-lhe o que se passava, se estava bem ou se tinha algum problema. Levantou a cabeça muito depressa e com o ar mais triunfante do mundo, disse-me que estava a pensar no flúor que a àgua do Luso tem. (!!!) Descuuulpa?!? Tu estavas a pensar no quê?!?
Sim senhor. Aquela alma estava completamente irada porque a àgua do Luso tem flúor. E que o flúor é veneno. Pior. O flúor era usado pelos nazis para adormecer os judeus. E que tudo não passava de uma estratégia do Governo Mundial, essa ambição de uma sociedade secreta de elites, que tem por finalidade extreminar 80% da população mundial para centralizar o poder e governar o mundo. Que a vacina da gripe A foi o método que utilizaram para comprometer a geração futura, que será toda estéril ou de ADN modificado e não conseguirá pensar ou agir por si própria dependendo dos 'puros' da elite. E que o governo mundial criou um exército mundial para combater o pobre desgraçado que faça frente a este poder. E que o sol tem uma produtividade máxima de 11 em 11 anos e que é por isso que acontecem as tragédias a nível mundial e o governo mundial sabe bem disso. E que ele bem entendeu que tudo isto estava a acontecer quando o Papa anunciou que não queria casamentos entre baptizados e não-baptizados, que era este o sinal da mudança.. e que se eu me lembrásse bem, veria que nas notas de 1 dollár, está a pirâmide, simbolo da maçonaria e que ex-presidentes dos USA foram filmados numa reunião secreta no meio de uma floresta a 'orar' a um deus pagão, nomeadamente uma coruja com mais de 20 metros de altura, também ela simbologia maçónica, uma vez que a coruja é o único animal que vê no escuro e pronto.. essa sociedade secreta vê no escuro onde mais ninguém consegue ver. E que o mundo estava a mudar, que estavamos todos, mais dia-menos dia. nas mãos dessa sociedade e que por isso mesmo ele tinha ido comprovar em todas as àguas do mercado e que só a do Luso tinha flúor e era por isso que nunca mais entrava no corpo dele uma gota de àgua do luso. E isto não saíu da minha cabeça..nã..tá tudo no Youtube.É só ir lá ver.
E é por estas e por outras que eu tenho de aprender a estar caladinha e não dar conversa  a ninguém. Ou corro o risco de ficar assim também.

18.2.10

Esta veio directamente do baú!

É caso para dizer: Há seculos que não ouvia isto!! :)

17.2.10

Da porrada que a vida nos dá..

Andamos um passo em frente.. e quando menos esperamos já demos dez atrás. Acreditamos que os sonhos podem ser possíveis e, de repente, acordamos num pesadelo que parece não ter fim. Olhamos para os que nos rodeiam e pensamos que possam ser boas pessoas, que dificilmente serão outra coisa.. e num piscar de olhos, as máscaras caem e os seres humanos revelam-se, tal como são. É difícil viver num mundo assim. Custa ver o nosso trabalho, esforço, suor e lágrimas desabados no chão, como se fossem um monte de areia. Não acreditamos que tamanha dor seja possível, que tamanha injustiça se faça, que (ao fim ao cabo) tudo tenha sido em vão.. Mas mais difícil ainda é erguer a cabeça, limpar as lágrimas, arregaçar as mangas e começar tudo de novo. Está provado que é assim que tem de ser. Dos fracos nunca rezou a história. Se temos mesmo que recomeçar do zero, é o que faremos. Se temos de levantar tudo outra vez, é o que faremos. É o que o instinto animal nos faz: protegemos o que é nosso, nem que isso nos custe a vida.

Não nos matou. Tornou-nos mais fortes!

4.2.10

Eu sei, eu sei..

Já vamos no mês dois de 2010 e só agora apareço por aqui.. vidinha ocupada, é o que é! :|